Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis


 
Metais Pesados


Noção do tema

Acredita-se que os metais talvez sejam os agentes tóxicos mais conhecidos pelo homem. Há aproximadamente 2.000 anos a.C., grandes quantidades de chumbo eram obtidas de minérios, como subproduto da fusão da prata e isso provavelmente tenha sido o início da utilização desse metal pelo homem.
Com a introdução desses metais em um ambiente, todas as formas de vida presentes serão afetadas, dependendo da dose e da forma química.

Os metais são classificados em:

1. elementos essenciais: sódio, potássio, cálcio, ferro, zinco, cobre, níquel e magnésio;

2. micro-contaminantes ambientais: arsênico, chumbo, cádmio, mercúrio, alumínio, titânio, estanho e tungstênio;

3. elementos essenciais e simultaneamente micro-contaminantes: cromo, zinco, ferro, cobalto, manganês e níquel.

Dependo do tipo de metal e da quantidade ingerida, ele pode provocar sérios problemas ao nosso corpo, chegando até a causar a morte.Pessoas idosas e crianças são as que mais correm risco de lesões mais sérias.

A principal forma de contaminação é por meio da ingestão de alimentos contaminados.


ABAIXO,  ALGUNS METAIS PESADOS


ARSÊNICO (As)

O arsênico é um metal de ocorrência natural, sólido, cristalino, de cor cinza-prateada. Exposto ao ar, perde o brilho e torna-se um sólido amorfo de cor preta.



CHUMBO (Pb)

Há mais de 4.000 anos o chumbo é utilizado sob várias formas, principalmente por ser uma fonte de prata. Antigamente, as minas de prata eram de galena (minério de chumbo), um metal dúctil, maleável, de cor prateada ou cinza-azulada, resistente à corrosão.



MERCÚRIO (Hg)

A progressiva utilização do mercúrio para fins industriais e o emprego de compostos mercuriais durante décadas na agricultura resultaram no aumento significativo da contaminação ambiental, especialmente da água e dos alimentos.O mercúrio é um líquido inodoro e de coloração prateada, por isso fica difícil a sua identificação.



CROMO (Cr)

O cromo é obtido do minério cromita, metal de cor cinza que reage com os ácidos clorídrico e sulfúrico. Além dos compostos bivalentes, trivalentes e hexavalentes, o cromo metálico e ligas também são encontrados no ambiente de trabalho.


MANGANÊS (Mn)

O manganês é um metal cinza semelhante ao ferro, porém mais duro e quebradiço. Os óxidos, carbonatos e silicatos de manganês são os mais abundantes na natureza e caracterizam-se por serem insolúveis na água. O composto ciclopentadienila-tricarbonila de manganês é bem solúvel na gasolina, óleo e álcool etílico, sendo geralmente utilizado como agente anti-detonante em substituição ao chumbo tetraetila.



Pequisa retirada do site :
http://www.mundodoquimico.hpg.ig.com.br/e resumida



Escrito por Turma E às 21h22
[] [envie esta mensagem] []



Doenças causadas por alguns metais pesados

Doenças causadas por alguns metais pesados :

Alumínio - Constipação intestinal, perda de energia, cólicas abdominais, hiperatividade infantil, perda de memória, dificuldade de aprendizado, osteoporose, raquitismo e convulsões. Doenças relacionadas: Alzheimer e Parkinson.

Arsênico - Transtornos gastrointestinais, espasmos músculo-viscerais, náuseas, diarréias, inflamações da boca e garganta, dores abdominais.

Cádmio - Metal cancerígeno, provoca elevação da pressão sanguínea e aumento do coração. Queda da imunidade. Aumento da próstata. Enfraquecimento ósseo. Dores nas articulações. Anemia. Enfizema pulmonar. Osteoporose. Perda de olfato. Perda do desempenho sexual.

Chumbo - Irritabilidade e agressividade, indisposição, dores de cabeça, convulsões, fadiga, sangramento gengival, dores abdominais, náuseas, fraqueza muscular, abnubilação mental, perda de memórias, insônia, pesadelos, acidente vascular cerebral inespecífico, alterações de inteligência, osteoporose, doenças renais, anemias, problemas de coagulação.

Mercúrio - Depressão, fadiga, tremores, sídrome do pânico, parestesias, descontrole motor, andar lateral, dificuldade de fala, perda de memória, perda do desempenho sexual, estomatite, dentes soltos, dor e paralisia de extremidades, dor de cabeça, anorexia em crianças, alucinações, vômitos, febre, dificuldades de mastigação, sudorese e perda do senso da dor

Níquel - Metal cancerígeno, pode causar: dermatite de contato, gengivites, erupçòes na pele, estomatite, tonturas, dores articulares, osteoporose e fadiga crônica.

Bário - Hipertensão arterial, doenças cardiovasculares, fadiga e desânimo.

Manganes - As exposições mais significativas ocorrem através dos fumos e poeiras de manganês.

O trato respiratório é a principal via de introdução e absorção desse metal nas exposições ocupacionais. No sangue, esse metal encontra-se nos eritrócitos, 20-25 vezes maior que no plasma.

Cromo -  O cromo absorvido permanece por longo tempo retido na junção dermo-epidérmica e no estrato superior da mesoderme.
A maior parte do cromo é eliminada através da urina, sendo excretada após as primeiras horas de exposição. Os compostos de cromo produzem efeitos cutâneos, nasais, bronco-pulmonares, renais, gastrointestinais e carcinogênicos. Os cutâneos são caracterizados por irritação no dorso das mãos e dos dedos, podendo transformar-se em úlceras. As lesões nasais iniciam-se com um quadro irritativo inflamatório, supuração e formação crostosa. Em níveis bronco-pulmonares e gastrointestinais produzem irritação bronquial, alteração da função respiratória e úlceras gastroduodenais.

 

Fontes : http://www.mundodoquimico.hpg.ig.com.br/metais_pesados_e_seus_efeitos.htm

Pesquisa Resumida

 

 



Escrito por Turma E às 17h16
[] [envie esta mensagem] []



Efeitos dos metais pesados na saúde humana

Efeitos dos metais pesados na saúde humana

Os metais pesados quando absorvidos pelo corpo humano, se depositam no tecido ósseo e gorduroso e deslocam minerais nobres dos ossos e músculos para a circulação, o que causa muitas doenças, desde as menos graves ( como gripe ), até doenças mais sérias, como câncer.


Alguns dos metais pesados como o zinco, ferro e magnésio, são necessários para a vida humana, mas só são necessários em doses muito pequenas, e passam a ser nocivos á saúde quando ultrapassam determinados limites. Outros metais como o chumbo, o mercúrio, o cromo e o arsênico são metais que não fazem parte de nenhum metabolismo e são nocivos á saúde, mesmo que sejam consumidos nas menores doses.


Os efeitos nocivos á saúde são variáveis, de acordo com cada metal, como por exemplo, a ingestão de mercúrio pode causar doenças como anuria ( diminuição da capacidade urinaria ), diarréia sanguinolenta e impotência sexual, ou o chumbo que atinge a medúla óssea, os rins e o sistema nervoso ou o cromo que mesmo em pequenas doses pode provocar câncer

Fontes : www.greenpeace.org.br / www.Wikipedia.com.br / www.mundoquimico.hpg.Ig.com.br

Pesquisa Resumida



Escrito por Turma E às 17h05
[] [envie esta mensagem] []



Ecotoxicologia

A Ecotoxicologia é ciência que estuda os efeitos toxicológicos da contaminação ambiental com metais pesados que possam agredir os organismos vivos, particularmente populações e comunidades de seres humanos.


Esta ciência, relativamente nova no Brasil, tem como objetivo a adoção de medidas científicas para solucionar ou gerenciar os problemas ambientais causados pelos diferentes tipos de metais pesados.


Na Bahia, o CRA - Centro de Recursos Ambientais é o órgão responsável pela gestão das questões ambientais, ditando regras apropriadas para o manuseio e uso de produtos químicos incluindo os metais pesados.


Há vários anos os especialistas estão tentando alertar a opinião pública sobre a presença de metais pesados nos alimentos, nas obturações (amálgamas dentários) ou nas vacina


Encontramos alumínio, mercúrio, níquel, chumbo, bário, estanho, arsênico, cádmio etc., substâncias extremamente tóxicas para o organismo, também em diversos produtos de consumo comum.


Diariamente, absorvemos, sem saber e sem querer, doses de metais pesados que estão bem além das normas permitidas, por outro lado, ninguém lhe diz que a maior parte das vacinas contém alumínio e timerosal, um conservante à base de mercúrio.


Durante anos e mesmo por toda a vida, idosos e crianças recebem, portanto, regularmente — e em doses elevadas — produtos que intoxicam o organismo.



Fonte: CUT - RJComissão de Meio Ambiente

Pesquisa Resumida



Escrito por Turma E às 15h45
[] [envie esta mensagem] []



Fotos de alguns metais pesados

Aqui estão as fotos de alguns metais pesados :

CROMO

CHUMBO

ARSÊNICO

CÁDMIO

MANGANÊS

MERCURIO

 

FONTE : www.google.com.br



Escrito por Turma E às 15h43
[] [envie esta mensagem] []



Utilização Industrial de alguns metais pesados

ARSÊNICO (As)

Uso industiral ~~

O arsênico é usado na fabricação de munição, ligas e placas de chumbo de baterias elétricas. Na forma de arsenito é usado como herbicida e como arsenato, é usado nos inseticidas.


CHUMBO (Pb)

Uso Industrial ~~

Os principais usos estão relacionados às indústrias extrativa, petrolífera, de baterias, tintas e corantes, cerâmica, cabos, tubulações e munições.O chumbo pode ser incorporado ao cristal na fabricação de copos, jarras e outros utensílios, favorecendo o seu brilho e durabilidade. Assim, pode ser incorporado aos alimentos durante o processo de industrialização ou no preparo doméstico.


MERCÚRIO (Hg)

Uso Industrial ~~

O mercúrio e seus compostos são encontrados na produção de cloro e soda caústica (eletrólise), em equipamentos elétricos e eletrônicos (baterias, retificadores, relés, interruptores etc), aparelhos de controle (termômetros, barômetros, esfingnomanômtros), tintas (pigmentos), amálgamas dentárias, fungicidas (preservação de madeira, papel, plásticos etc), lâmpadas de mercúrio, laboratórios químicos, preparações farmacêuticas, detonadores, óleos lubrificantes, catalisadores e na extração de ouro. 

 

CROMO (Cr)

Uso Industiral ~~

Entre as inúmeras atividades industriais, destacam-se: galvanoplastia, soldagens, produção de ligas ferro-cromo, curtume, produção de cromatos, dicromatos, pigmentos e vernizes.


MANGANÊS (Mn)

Uso Industrial ~~

Entre as principais aplicações industriais do manganês, destacam-se a fabricação de fósforos de segurança, pilhas secas, ligas não-ferrosas (com cobre e níquel), esmalte porcelanizado, fertilizantes, fungicidas, rações, eletrodos para solda, magnetos, catalisadores, vidros, tintas, cerâmicas, materiais elétricos e produtos farmacêuticos (cloreto, óxido e sulfato de manganês).


Pequisa retirada do site : http://www.mundodoquimico.hpg.ig.com.br/e resumida

 

Aqui em cima pessoal, está a utilização industrial dos metais pesados citados no post abaixo.


Espero que gostem!



Escrito por Turma E às 14h36
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]